CRÔNICA: Responsabilidade Consigo e Com o Próximo

CRÔNICA: Responsabilidade Consigo e Com o Próximo

Esta palavra de sete sílabas diz muita coisa. Pelo menos na Team Nogueira. Além de ser tema do mês de maio no que diz respeito à metodologia de ensino exclusiva da nossa academia. Por conseguinte, não foi à toa que a escolhi para discorrer em minha crônica de hoje.

Pessoas incríveis trabalham na Team Nogueira e não é falsa modéstia da jornalista da turma não… O que eu vejo aqui é realmente incrível. Professores que se preocupam desde a chegada do aluno até o final das aulas já é um baita sinal de responsabilidade.

E sem contar no juramento das crianças que compõem as aulas KIDS com metodologia exclusiva baseada em princípios e valores fundamentais em que a responsabilidade também é fator preponderante de influência que prevalece durante todas as aulas, seguindo os ensinamentos do professor ou mestre.

Não é à toa também que eu conto os dias e horas para trazer minha filha à família. Como ela ainda tem 3 anos e aceitamos criança somente a partir de 4, ainda falta um pouquinho para ela, no entanto, acredito piamente que esta responsabilidade que se ganha ao praticar artes marciais será essencial para a formação de seu caráter durante toda sua vida.

E quem é a mãe que não quer que o seu filho tenha mais responsabilidade em suas ações. Afinal de contas, com responsabilidade vem tudo isso:

  • Disciplina
  • Autocontrole
  • Ética
  • Humildade
  • Determinação
  • Honestidade
  • Respeito

E por aí vai.

E o que falar sobre adultos, seres formados, com a mente já engessada pelas experiências e valores de outrora criados?

Sim, podemos dizer que estes são mais difíceis de mudar. Mas, da mesma forma como não enxergamos a fé e ainda sim a temos, arrisco a dizer que pessoas podem mudar por mais que não acreditemos, se elas quiserem. E a Team Nogueira pode ajudar com virtudes e filosofia das artes marciais.

Se tudo parte da responsabilidade, que tal um convite a você começar a perceber em que nível a sua autorresponsabilidade se encontra?

Certa vez eu ganhei um livro do mestre Rogerio Minotouro que chama “O Poder da Autorresponsabilidade”, autor: Paulo Vieira.  Eu li durante um voo de São Paulo para o Rio de Janeiro e nem senti, pois me identifiquei essencialmente com a dialética do livro, cuja sinopse:

“Muitas pessoas têm consciência de que precisam assumir as rédeas da própria vida, porém não sabem como fazer isso na prática. Este livro traz ao leitor o conceito de autorresponsabilidade. Trata-se de um manual que apresenta a metodologia das 6 leis para a conquista da autorresponsabilidade, de modo que o leitor assuma o comando de sua vida. Aplicando esse conceito, você será capaz de levar alta performance à vida pessoal e profissional, saindo de um estado não satisfatório para uma vida de abundância e de sucesso. Aqui você vai aprender a:

  1. Calar-se em vez de criticar.
  2. Dar sugestão em vez de reclamar.
  3. Buscar a solução em vez de buscar culpados.
  4. Fazer-se de vencedor em vez de vitimizar-se.
  5. Aprender com os erros em vez de justificá-los.
  6. Julgar as atitudes, e não as pessoas”.

E tendo tudo isto em vista, por fim deixo aos leitores pensarem como estão são suas atitudes em todos os círculos sociais aos quais é presente: trabalho, família, amigos, academia, igreja, escola, faculdade, entre outros. Independente da atitude do outro, você tem sito autorresponsável?

Tamyris Torres é jornalista, pós graduada em jornalismo esportivo e negócios do esporte. Diretora de Marketing e Assessora de Imprensa da Team Nogueira.

administrador