Como o Glutamato Monossódico, presente nos alimentos industrializados, pode prejudicar a saúde de um lutador

Os lutadores sabem bem que o peso é uma questão deveras importante para quem luta profissionalmente. Os cortes de peso podem gerar uma série de prejuízos à saúde e é justamente por isso que tomar conta da alimentação se torna essencial para quem vive de lutar.

Por muitas vezes achamos que podemos comer um alimento, mas ele pode estar nos prejudicando de alguma forma. Ainda mais para quem luta, pois é preciso acompanhar de uma maneira mais detalhada o que se está ingerindo.

Os lutadores sabem, de uma forma geral, que os alimentos industrializados vão acarretar alguma reação negativa no corpo, pois eles contém substâncias que servem para aumentar a sua vida de prateleira e potencializar sabor. No entanto, será que você está atento os reais malefícios que eles podem trazer tanto para o corpo quanto para a performance durante uma luta?

 

Faça uma Aula Experimental na Team Nogueira

 

O que é o glutamato monossódico e em quais alimentos ele está presente?

O glutamato monossódico está presente em grande parte dos alimentos processados e industrializados que consumimos diariamente. Trata-se de um tipo de sal que é também conhecido como ‘unami’ ou o quinto sabor do nosso paladar.

O nome unami é de origem japonesa e significa delicioso e é responsável por melhorar o gosto dos alimentos.  Sendo assim, o unami é identificado em nosso paladar por receptores ligados ao aminoácido glutamato, que está presente em diversos alimentos como queijos, presunto, embutidos, comida congelada, etc.

Por meio de uma experiência feita com o glutamato e o sódio que houve a criação do glutamato monossódico ou mais conhecido como o tempero Ajinomoto. Esta criação é presente em diversos alimentos industrializados porque é a combinação perfeita entre uma comida extremamente saborosa oriunda do unami, bem como a sua alta capacidade de conservação por conta do sódio que é um tipo de conservante que ajuda a aumentar o tempo de prateleira de um alimento, ou seja, a sua validade.

No entanto, o glutamato monossódico pode trazer diversos problemas para a saúde de uma pessoa e prejudicar o treino de muitos lutadores. Um lutador que não consegue se desligar dos alimentos industrializados, pode não somente aumentar o peso e ter ainda mais dificuldades na hora de perdê-lo para uma competição, como também gerar a possibilidade de doenças que podem colocar totalmente fora dos tatames.

 

Faça uma Aula Experimental na Team Nogueira

 

Alimentos que contém glutamato monossódico:

  • Biscoitos recheados
  • Salgadinhos
  • Enlatados e processados
  • Alimentos congelados industrializados
  • Molhos industrializados
  • Laticínios pasteurizados e leite em pó

Malefícios do glutamato monossódico para a saúde:

  • Fraqueza
  • Náuseas
  • Dores no peito
  • Taquicardia
  • Hipertensão
  • Dores de cabeça
  • Sudorese
  • Dormência
  • Pressão no rosto
  • Obesidade
  • Sobrecarga dos rins e fígado

Segundo a nutricionista Luma Monteiro, “todo alimento industrializado pode fazer mal para a saúde. Hoje em dia as pessoas estão mais acostumadas a desencaixar os alimentos a descascar os alimentos saudáveis como frutas e legumes. Precisamos ter a consciência que isso em longo prazo vai fazer mal. Os lutadores que precisam manter uma dieta saudável, comer este tipo de alimento vai diminuir o tempo da sua carreira”, aponta a especialista.

 

Faça uma Aula Experimental na Team Nogueira

administrador