Por que trabalhar psicologia em um treino de Jiu-Jitsu?

Por que trabalhar psicologia em um treino de Jiu-Jitsu?

Os alunos de Jiu-Jitsu da Team Nogueira que tornam-se competidores, entram na escola de artes marciais achando que irão apenas aprender técnicas e relaxar de um dia estressante, no entanto, em um dado momento em que eles começam a desenvolver a sua autoconfiança e se percebem como protagonistas da sua própria história dentro da arte suave começam a alçar voos maiores e se inscrevem em campeonatos.

Inicia então uma história de muitas lutas, vitórias e conquistas pessoais. Pensando nisso, a parceria com o psicólogo Roger Santos (@psico.rogersantos), visa estimular o desenvolvimento da autoconfiança, com trabalhos em grupo e individual que aumentam este elo entre mestre e aluno.

“Eles passam a maior parte do tempo vendados e recebendo a voz de comando do mestre e de outras pessoas. Se ele atende ao mestre somente, significa que ele está com sua confiança em dia. Porém, se ele ouvir as demais vozes e segui-las, quer dizer que precisa trabalhar mais esta parte. Se o professor está acompanhando aos alunos na competição, eles precisam saber a quem ouvir”. A ideia é fazer com que o aluno siga apenas as instruções do professor, melhorando então o seu desempenho.

Veja o vídeo abaixo: 

 

Quer conhecer a nossa metodologia de ensino? Clique aqui e ganhe 3 dias de free pass

administrador